11 3224-1420 - 08007717389

Whatsapp 11 95743-7160

Feiras de artesanato e antiguidades

feiras-artesanato-antiguidades-sp-hotel

Fonte: SP Turis
Atualizado em 03.11.09
Autor: Lilian Natal

A cidade de São Paulo é o paraíso de todos os tipos de compradores - dos que precisam de algum item específico aos milhares de revendedores que desembarcam diariamente na capital paulista. Há produtos para qualquer necessidade, de um alfinete até um objeto de luxo.

Presentear amigos, familiares e companheiros de trabalho também é uma missão fácil para quem visita São Paulo. Não faltam opções, que atendem a todos os gostos e bolsos.

A metrópole está repleta de bazares, shoppings, ruas temáticas e muito mais. Nenhuma outra cidade do País tem tantos exemplares desses templos de compras. E quando o assunto são as feiras, o município não deixa a desejar. São mais de 900, com opções que vão desde os artigos mais procurados até os mais inusitados. Entre as de artes e artesanato, as mais famosas são a da Praça da República e do Trianon, na avenida Paulista. A mais badalada delas, no entanto, provavelmente é a da Praça Benedito Calixto. Frequentada por um público um pouco mais exigente - inclusive artistas e decoradores -, acontece todos os sábados, das 8h às 19h. São cerca de 300 vendedores que comercializam, além do artesanato, antiguidades, roupas novas e seminovas, discos de vinil (LPs), brinquedos, louças e móveis rústicos e descolados.

Curiosa também é a Feira da Liberdade, na praça e bairro de mesmo nome, reduto da colônia japonesa na cidade. Acontece há cerca de 30 anos, aos sábados e domingos, com mais de 200 barracas que oferecem bijuterias, almofadas, luminárias japonesas, bonsais, peixes de aquário e quinquilharias em geral, além de muitos artigos orientais. Há também várias barracas de comida, com verdadeiras delícias típicas, como yakisoba e tempurá.

Mas para quem procura somente por antiguidades, há outras mais específicas, como a do Bixiga, na Praça Dom Orione, que ocorre aos domingos e oferece desde revistas, livros e roupas até vitrolas, lustres, móveis e peças decorativas. Os antiquários da região também costumam abrir para aproveitar a clientela. Já a do vão livre do Masp, na Avenida Paulista, há 20 anos reúne, todos os domingos, colecionadores e expositores e recebe milhares de pessoas à procura de raridades, quadros, esculturas, luminárias, candelabros, moedas antigas e objetos para a casa.

Próxima ao Museu de Artes de São Paulo, mas do outro lado da mesma via, fica uma feira de artesanato chamada Feira do Trianon (fica em frente ao Parque Tenente Siqueira Campos, conhecido como Trianon). Lá os visitantes podem encontrar enfeites, velas, bijuterias, roupas, sabonetes, incensos e objetos esculpidos em madeira, entre outras curiosidades. Na mesma região fica a Feira de Arte e Artesanato e Cultura José Bonifácio, que reúne cerca de 50 expositores às quintas, sextas e sábados, entre 8h e 17h, no centro velho da capital.

As feiras de antiguidades do Museu Brasileiro de Escultura (Mube) e do shopping Eldorado também são ótimas opções. Além delas, há ainda a Feira de Artes da Praça Gentil Falcão, próxima à Avenida Luis Carlos Berrini, no Brooklin. Inaugurada em outubro de 2007, funciona das 9h às 16h, às terças-feiras, e tem mais de 60 expositores oferecendo artesanato, artes plásticas, culinária oriental, chocolates artísticos e doces sírios, entre os produtos. Outro atrativo na região da Berrini é a Feira de Artes e Artesanato Guararapes, que abre às quartas-feiras, das 10h às 16h.

Ainda na zona sul, a Feira de Moema e a Feira Santa Rita são também boas opções. Conhecida pelo alto nível dos produtos expostos, a Feira de Moema promove apresentações artístico-culturais em alguns domingos do mês. Lá encontram-se artigos de artes plásticas, artesanato, pedras, comidas típicas, artigos de couro, roupas, crochê e bijuterias. Em Santa Rita, as barraquinhas têm sempre alguma novidade em bijuterias, artigos de couro, objetos de decoração, patchwork, cordados, tear, telas e quadros, além de delícias da culinária oriental, como yakisoba e tempura.

Serviço:

Benedito Calixto
Praça Benedito Calixto, s/n - Pinheiros (Metrô Sumaré)
Horário: Sábado, das 8h às 18h

Bixiga
Praça Dom Orione - Bela Vista (Bixiga)
Horário: Domingo, das 10h às 18h

Gentil Falcão
Avenida Luis Carlos Berrini, altura do n° 1.000 - Brooklin
Horário: Terça, das 9h às 16h

Guararapes
Praça Enéias Martins Nogueira (travessa da Avenida Luis Carlos Berrini)
Horário: Quarta, das 10h às 16h

Liberdade
Praça da Liberdade, s/n - Liberdade (Metrô Liberdade)
Horário: Sábado e domingo, das 9h às 17h

Masp
Avenida Paulista, 1.578 - Centro (Metrô Trianon/Masp)
Horário: Domingo, das 10h às 17h

Moema
Praça Nossa Senhora Aparecida, s/nº (entre as avenidas Ibirapuera e Moema)
Horário: Quarta, sexta e domingo, das 9h às 17h

Mube
Avenida Europa, 218 - Jardim Europa
Horário: Domingo, das 10h às 18h

República
Praça da República (acesso pela Avenida Ipiranga) - Centro (Metrô República)
Horário: Sábado e domingo, das 9h às 17h

Santa Rita
Praça Santa Rita de Cássia, s/nº (próximo ao metrô Praça da Árvore)
Horário: Terça e sábado, das 9h às 17h

Shopping Eldorado
Avenida Rebouças, 3.970 - Pinheiros
Horário: Domingo e feriados, das 12h às 20h

Trianon
Avenida Paulista, s/n (esquina da Rua Peixoto Gomide) - Cerqueira César (Metrô Trianon/Masp)
Horário: Domingo, das 10h às 17h

RESERVE SEU HOTEL AQUI